Zico Góes fala sobre o fim da MTV e planeja escrever livro

zico goes mtv

33 mil fitas do tipo betacam aguardará por caminhões de mudança que irão resgatá-la da Avenida Professor Alfonso Bovero, no bairro do Sumaré, em São Paulo. A fitoteca da MTV terá então um novo dono. Estão mais 20 mil clipes, shows acústicos e cenas antológicas como Caetano Veloso clamando por “vergonha na cara, emetevê” durante a premiação do VMB de 2007.

Ao jornal “Estadão” Zico Góes falou sobre o fim da emissora que ele esteve a frente por mais de 20 anos.

Com a devolução da marca MTV ao grupo Viacom, o acervo do canal passa para as mãos do grupo internacional e tem destino ainda incógnito lá. “Dava até pra fazer um canal Viva de MTV, só com reprises do que tem aí, se eles (Viacom) quiserem”, ele sugeriu.

A pedido da Abril e da Viacom, a negociação pela venda do acervo passou por um “pente fino”, feito pelo próprio Zico. “Porque tem muita coisa gravada que não serve a ninguém, matérias datadas do jornalismo ou uma cabeça de programa gravada aqui, que serve apenas como registro histórico. Fazemos essa seleção agora, que pode ser para um documentário que, aliás, quero produzir: pretendo pedir licença e até parceria, tanto de um como de outro”, conta Zico. A ideia já conta com parceria de André Vaissman, que foi diretor de programação do canal.

Ele também planeja escrever um livro, com mais de 40 depoimentos dados à série My MTV, iniciada mês passado, que trouxe de volta ao canal uma considerável lista de notáveis, gente que a emissora da música revelou para emissoras maiores.

Anúncios

Obrigado por comentar!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s